Os 8 fenômenos mais incríveis da natureza

Os 8 fenômenos mais incríveis da natureza

Mesmo em meio a desmatamento, poluição, vazamentos de petróleo e muitos outros atentados cometidos pelo ser humano, o nosso mundo ainda consegue dar origem à fenômenos de tirar o fôlego. Prepare o lencinho, porque essas maravilhas da natureza vão fazer você babar:

08 – Trovões vulcânicos

Os cientistas não tem 100% de certeza por que eles ocorrem, mas a teoria com maior credibilidade diz que, quando um vulcão entra em erupção, ele libera detritos carregados positivamente e o choque desses detritos com as partículas carregadas negativamente na atmosfera acaba gerando raios e fotos incríveis.

07 – Bioluminescência

O show de luzes protagonizado por algumas criaturas é fruto de reações químicas dentro dos corpo dos bichos. Nessas reações, a energia das ligações entre componentes orgânicos acaba sendo convertida em luz visível.

06 – Arco-íris de fogo

Atenção: não confundir com Cavalo de Fogo. Esse grande rastro colorido do céu não tem nada a ver com combustíveis ou chama. Para que esse convidado apareça, as condições precisam ser exatas: o Sol precisa estar refletindo a, pelo menos, 58 graus acima da linha do horizonte e nuvens com formato cirrus cheias de cristas de gelo em formato de placas devem dar o ar da graça.

05 – Flores congeladas

Esse acúmulo de gelo surge em torno de certas plantas e árvores quando a temperatura ambiente é menor do que o ponto de congelamento da água (0ºC) e a temperatura interna do vegetal é maior do que 0°C. Em um processo parecido com a transpiração, a água da planta é empurrada para fora, formando uma frágil e incrível “cobertura”.

04 – Nuvens lenticulares

Formadas quando a umidade é empurrada para o topo de montanhas e picos, essas nuvens possuem um visual característico e podem ter diversas camadas. Taí uma boa explicação para o aparecimento de óvnis, né?

03 – Tromba d’água

As trombas d’água não passam de tornados que se formam no mar. As velocidades de até 300 quilômetros por hora são inofensivas para os humanos, a não ser que você esteja em um barco no caminho desse turbilhão molhado. Incomuns nos mares brasileiros, elas assolam o litoral da Flórida, lugar com condições climáticas ideias para “nascerem”. Mas esse fenômeno já deu as caras no Rio Amazonas em um momento de instabilidade atmosférica, confira o vídeo:


02 – Fumarola de neve

Fumarola é uma formação próxima a vulcões. Por ela, gases como dióxido de carbono, dióxido de enxofre e sulfureto de hidrogênio saem e vão viver a vida na nossa linda atmosfera. As fumarolas de neve são resultado do vapor expelido por vulcões nas regiões árticas. Inexplicavelmente, após o “tubo” se formar, os gases passam a fluir sem problemas.

01 – Auroras polares

Capazes de tirar o fôlego até de quem não acha a mínima graça nessa tal de natureza, essas luzes surgem quando as partículas carregadas eletricamente provenientes do vento solar, matéria ejetada pelo nosso lindo Sol, são aceleradas pelo nosso campo magnético e acabam se chocando com átomos de gás na atmosfera. Vale uma viagem até o ártico? Siiiiiiiim!

Fontes: Discovery, Ufscar, Atoptics, University of Texas, NOAA, Nós, kazgeo e ME

Veja também

Loading...

Deixe o seu comentário

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade. Você será banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam. Ao comentar, marque a opção "Publicar também no Facebook" para que seu comentário apareça também em seu perfil, assim seus amigos poderão ver seu comentário.

Ilustração Renan Roque / Layout e Programação: Wanderson Alves

Layout e Programação: Wanderson Alves / Ilustração Renan Roque